Bioimpedância: para que serve e como funciona

A análise de Bioimpedância é método preciso de avaliação da composição corporal, que inclui peso corporal, massa magra, massa gorda, densidade óssea, índice de massa corporal, grau de hidratação do organismo, ingestão de calorias diárias para manutenção do peso, gordura visceral e idade metabólica.

A Bioimpedância é um método inovador que ajuda você a conhecer profundamente o próprio corpo.
Os exames de rotina não fazem isso com tanto rigor.
O principal objetivo da Bioimpedância é fazer uma avaliação da composição corporal de acordo com o Consenso Latino-Americano de Obesidade. O mais impressionante é a rapidez e a praticidade para realizar esse exame. Em menos de um minuto você tem todos resultados, sem picadas de agulhas ou qualquer outro desconforto.

Este moderno exame permite que perguntas como “Qual é o meu peso em gordura?”, “Quanto estou ganhando de músculo no ginásio?”, “Qual é a minha massa magra?”, “Estou perdendo água?” sejam respondidas em 30 segundos.

Diferentemente de uma balança convencional, onde só se vê o peso “mascarado”, na Bioimpedância quantifica-se a perda ou o ganho de massa muscular e de gordura de forma exacta.

É importante salientar que o procedimento não busca diagnosticar doenças ou factores graves. O exame de Bioimpedância é muito comum entre atletas e desportistas, que necessitam saber, com frequência e precisão, sua composição corporal.

No entanto, o método é indicado para pessoas que estão fazendo dieta, que querem perder ou ganhar peso, estão preocupadas em melhorar a performance, querem iniciar actividades físicas ou, simplesmente, estão preocupadas com a saúde, a estética e o bem-estar.

O exame é indicado para qualquer pessoa, inclusive crianças a partir de 3 anos e adolescentes. O aparelho atinge uma faixa de peso de 10 a 250 quilos.

Qual é o equipamento utilizado?

Utiliza-se o sistema Inbody, equipamento reconhecido como o método mais avançado na tecnologia de Bioimpedância, além de ser aprovado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O Inbody analisa o corpo humano e quantifica seus diferentes componentes. Os seus resultados são comparados com as faixas normais fornecidas para a idade do paciente.

Os dados são analisados e computadorizados pelo aparelho e registrados em uma impressora. Então, são dispostos em percentuais e gráficos, que podem ser, inclusive, enviados por e-mail. É válido ressaltar que apenas um especialista da área pode interpretar corretamente os resultados.

Para atletas

A Bioimpedância sugere um plano de exercícios e o gasto calórico em 30 minutos de cada atividade, de acordo com a pessoa. Praticantes de musculação podem acompanhar a evolução do seu treino e o resultado do ganho de massa muscular por meio da repetição e comparação de exames de Bioimpedância. Nunca foi possível ver os resultados do treino de forma tão clara, precisa e eficaz.

Crianças e Adolescentes

Segundo dados do IBGE, uma em cada três crianças no Brasil apresenta sobrepeso ou obesidade. O consumo excessivo de doces, fast-foods, refrigerantes e outros alimentos com alto valor calórico, aliado ao baixo consumo de frutas, verduras, hortaliças e outros alimentos saudáveis, revela uma assustadora realidade: crianças desenvolvendo doenças com alto risco de morbidade no futuro (diabetes, hipertensão, excesso de gordura no fígado, colesterol e, com isso, pode gerar depressão e baixa autoestima). O exame de Bioimpedância pode analisar o real estado da criança ou adolescente, seu percentual de gordura e músculo e traçar, de forma segura, um plano de reeducação alimentar.

O que a Bioimpedância calcula?

  • Peso corporal
  • Massa magra
  • Massa gorda
  • Densidade óssea
  • Índice de massa corporal,
  • Grau de hidratação do organismo,
  • Ingestão de calorias diárias para manutenção do peso
  • Gordura visceral
  • Idade metabólica

No exame, o médico estuda justamente a composição corporal do indivíduo. Dele, tira-se, inclusive, as instruções nutricionais para montagem de dietas e de exercícios para atletas e esportistas. Também com o acompanhamento do exame, é possível criar etapas de reeducação alimentar, tornando todo o processo mais saudável e prazeroso.

No geral, o exame de bioimpedância é realizado em academias, onde o indivíduo é instruído pelo profissional e recebe as orientações para continuar com suas atividades. Principalmente para pessoas que fazem esforços físicos com grande frequência, a recomendação é de que o exame seja realizado também com certa regularidade, prevenindo-se de lesões formadas com o tempo.

Cuidados a ter antes da análise de Bioimpedância

A análise de Bioimpedância é feita com recurso a uma balança digital de alta precisão.

Para que os resultados sejam precisos, alguns cuidados deverão ser tidos em atenção.

  • Suspender o uso de medicamentos diuréticos 48 horas antes do teste.

  • Estar em jejum de pelo menos 4 horas antes do teste.

  • Não consumir bebidas alcóolicas 48 horas antes do teste.

  • Evitar o consumo de cafeína 24 horas antes do teste.

  • O teste não deverá ser feito durante o período pré-menstrual.

  • Não deve praticar atividade física intensa nas 24 horas anteriores ao teste. A perda de água corporal através do suor poderá alterar os resultados.

  • Tentar urinar 30 minutos antes do teste.

  • O médico pedirá que permaneça em repouso absoluto durante 10 minutos antes do teste.

  • O teste não pode ser feito por grávidas e pacientes com pacemakers.

  • Beba 2 litros de água no dia anterior ao teste. O nível de desidratação e a temperatura ambiente também podem apresentar alguma influência na qualidade das informações. A hipoidratação ou hiperhidratação altera as concentrações eletrolíticas normais do corpo, que poderão alterar a precisão dos resultados.

Fonte: Revista Circuito, Palmipe e Clínica Dr. Paulo Ramos

2017-12-08T01:47:58+00:00 Dezembro 8th, 2017|